Elmo é apresentado à comunidade acadêmica a convite de alunos da Faculdade de Medicina da UFC

Escola de Saúde Pública do Ceará Paulo Marcelo Martins Rodrigues (ESP/CE) apresentou, na manhã desta segunda-feira (18), a história do capacete Elmo aos alunos da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC). A convite da Liga do Pulmão e Medicina Intensiva (LPMI), o superintendente da ESP/CE e idealizador do Elmo, Marcelo Alcantara, ministrou aula aberta à comunidade acadêmica do Campus Porangabuçu.

O médico pneumointensivista, que é também professor da UFC, destacou a importância de levar para os alunos a trajetória do equipamento que salvou tantas vidas durante a pandemia de covid-19. “Recebi com muita felicidade o convite da Liga. Acho que os alunos estão muito interessados em ciência e inovação. Isso é muito importante. Despertar o aluno para isso desde cedo é algo muito significativo e transbordar essa experiência do Elmo da Escola de Saúde Pública para a Universidade Federal do Ceará”.

Para o presidente da LPMI, João Pedro Sobreira Borges, o Elmo “é um tema muito importante para nós e pouco se fala sobre isso na faculdade. Então a gente teve essa ideia de trazer esse tema para as pessoas conhecerem essa história. E foi muito emocionante aprender sobre essa trajetória”.

Mais cedo, Marcelo Alcantara foi recebido pelo professor Armênio Aguiar dos Santos, no Laboratório Escola Luiz Capelo (LELC). O professor, que é também Secretário Regional da SBPC no Ceará da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, foi presenteado com o livro “Enfrentamento à covid-19: a construção da coragem coletiva” e com um exemplar da revista Cadernos ESP edição especial Elmo.

Elmo

Idealizado em abril de 2020, quando a pandemia do novo coronavírus já contava com números alarmantes no Brasil, o Elmo é fruto de uma força tarefa público-privada de combate à crise sanitária. Em torno da iniciativa uniram-se, além da Escola de Saúde Pública do Ceará, um conjunto de instituições públicas e privadas, como a Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), a Universidade Federal do Ceará (UFC), além de Universidade de Fortaleza (Unifor), Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai/CE) e a Esmaltec. Houve ainda apoio do ISGH.

Texto e fotos: Ariane Cajazeiras

Habilidades

, , , ,

Postado em

19 de abril de 2022